quarta-feira, 26 de setembro de 2012

Petrópolis parte I - Comemorando Bodas de Papel

Oieeeee!!!

Hoje fazemos 10 meses!!! Tá chegando novembro...

" Petrópolis – 'Cidade Imperial', nasceu do sonho do Imperador D. Pedro I que descobriu os valores climáticos e belezas naturais da região serrana. Aqui D. Pedro II construiu seu Palácio, vivendo os melhores momentos de sua vida." 

Dentre os vários sites sobre a cidade, acho que esses são os mais completos: http://www.destinopetropolis.com.br/ e http://www.visitepetropolis.com/

Como só tínhamos o domingo para passear na cidade, acordamos cedo e, logo depois do café, saímos. Na recepção do hotel, pegamos uma mapa do centro histórico, aonde ficam todos os principais pontos turísticos e vimos que dava para fazer tudo a pé, caminhando com calma e apreciando a cidade...

obelisco...

 Uma da inúmeras ponte sobre o canal que corre a cidade toda...







Nosso primeiro destino foi o Museu do Palácio Imperial, que o Pedro ainda não conhecia. Acho legal começar por ele, porque é o principal ponto histórico e você caminha bastante dentro do palácio. Se deixar por último, o cansaço pode te impedir de apreciar tudo o que tem para se ver lá dentro.

"Construído em estilo neoclássico, o palácio foi por anos residência de verão de Dom Pedro II e Dona Teresa Cristina. Foi apenas em 1943, com um decreto do então presidente Getúlio Vargas, que o local foi transformado em museu. Grande parte da decoração interna ainda se preserva, como os pisos em pedras nobres e mobília reconstituindo os ambientes originais da época. No acervo estão peças ligadas à monarquia brasileira, além de objetos pessoais dos integrantes da família imperial e importantes documentos históricos, como fotografias que exibem as mudanças urbanas e paisagísticas da cidade. A coroa utilizada por Dom Pedro II no momento de sua coroação a Imperador é um dos principais destaques, junto às jóias e ao manto real. É importante lembrar de reservar algum tempo para caminhar pelos jardins do museu. Por ali, além de passear entre árvores centenárias, o visitante encontra ainda uma estátua de Dom Pedro. É no jardim também que se tem acesso à área onde estão algumas carruagens da época."

Logo na entrada nos deparamos com o maravilhoso jardim, que é um parque para os moradores da cidade. Vimos muitos idosos e crianças, várias pessoas espalhadas pelos bancos lendo jornal, casais na grama fazendo piquenique... Depois de andar o museu todo, vale a pena dar uma sentada para descansar e recuperar as energias um pouco...






Para visitarmos o museu, precisamos colocar essas pantufas
para preservar o piso do palácio que é o original....



 "sala" das carruagens

Carruagem do imperador terminando de ser restaurada


 Caminhos por entre o jardim...





O post já está enorme, então amanhã mostro o resto do passeio.
Espero que tenham ficado com vontade de conhecer, porque eu já estou com vontade de voltar e ver um monte de lugares que não conseguimos ir!!!

Beijossss

4 comentários:

  1. Com certeza se eu for ai, vou nesse museu!

    Beijos

    ResponderExcluir
  2. vc deu uma ótima dica! Conhecer primeiro o museu! Eu fiquei maravilhada com o jardim!
    Bjooo

    ResponderExcluir
  3. Que passeio gostooso! *-* Fiquei com vontade de conhecer sim, ctz! rsrs

    Bjs!

    casarechic.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Nossa que passeio lindo, adorei =) Parabéns a vcs pelos 10 meses!! Marília www.mariliaeclaudio.com.br

    ResponderExcluir

Obrigada por deixar um recadinho e fazer essa blogueira feliz!