quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Documentação Financiamento

Oieeee!!!

Gente, muito obrigada pelo apoio no post de ontem, vocês são umas fofas!!!

Nós conversamos ontem com outra empresa de facilitadores que, disseram ocorrer negativa do engenheiro em caso de fissuras, ou trincas, e infiltrações. Poderíamos solicitar a vistoria e, se houvesse negativa, consertaríamos o que eles apontaram como errado e solicitaríamos uma nova vistoria.

Fomos conversar novamente com o facilitador que nos foi designado e, decidimos que o conserto das paredes com estufamento, pode ser confundido com infiltração e, consertar isso, vai dar menos trabalho que correr o risco de sermos reprovados na vistoria, consertar e marcar nova vistoria.

Esse processo demoraria muito e seriam dias preciosos perdidos. Sai mais barato contratar um pedreiro para retirar com cuidado as peças, passar argamassa e colocar de novo. Coisa de 2 horinhas ele faz tudo. Quanto ao chão, não vamos fazer nada, pois não é indicativo de algum problema estrutural e sim, de desgaste natural combinado com desleixo. Vamos tentar resolver até sábado para, na segunda, o facilitador solicitar a visita do engenheiro.

Ah! Ele disse que acompanha o engenheiro e vai falar que será feito a reforma. Se quisermos podemos ir também.

Aproveitamos para solicitar a listagem de documentos:
  • Preencher Ficha Cadastro Pessoa Física - Habitacional (em se tratando de mais de um titular, preencher uma para cada um);
  • Cópia RG e CPF do casal (se for o caso);
  • Cópia Certidão de casamento (e pacto antenupcial, se houver) - para solteiros, certidão de nascimento atualizada;
  • Cópia último contra-cheque;
  • Cópia da CTPS (páginas de identificação, qualificação, contrato de trabalho, opção pelo FGTS, P.I.S);
  • Cópia comprovante de endereço (última conta de água, luz, tel ou condomínio).
CASO UTILIZE FGTS (necessário mínimo de 3 anos de contribuição):
  • Autorização para Movimentação da Conta de FGTS - (anexa);
  • Declaração Negativa de Propriedade e Destinação do Imóvel (anexa);
  • Declaração de Imposto de Renda, inclusive recibo de entrega ou de isenção de imposto de renda.
Existe, ainda, uma taxa a ser paga de R$ 310,00. Segundo a explicação do facilitador, essa taxa é da Caixa para enviar o engenheiro (R$250,00) e fazer análise cadastral (R$60,00). Pelas minhas pesquisas, essa taxa de análise de crédito é abusiva e proibida pelo Banco Central, que diz ser responsabilidade do credor os custos com a análise.  

Não queremos correr o risco do processo empacar por conta da taxa e, sei que é um absurdo não correr atrás dos nossos direitos, mas infelizmente dependemos deles e não podemos correr o risco do financiamento não sair dentro do prazo do contrato de compra e venda. Como não assinamos nada concordando com essa taxa, vamos tentar reaver o valor e pedir o abatimento na assinatura do contrato.

Alguém aí, sabe mais sobre essa taxa? Todos pagam, né?!

Agora é correr para fazer nossa parte o mais rápido possível, pois a parte da Caixa, essa demora que é uma beleza!!!

Beijosssss

10 comentários:

  1. Minha casa foi financiada pela Caixa e não tivemos que pagar nenhuma taxa antes de assinar o fechamento do contrato de financiamento!!Eu moro em Goias não sei se aqui é diferente dai!
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Lorraine, sorte a sua!
      Todo mundo com quem converso teve que pagar.
      Beijossss

      Excluir
  2. Babi eu paguei as visitas do engenheiro sim, já vinha descontado no $$ liberado e essa taxa tb paguei mas depois que tinha sido aprovado o financiamento, mas ñ lembro a quantia.
    Sim pensei o mesmo q vc, já é dífícil para q complicar mais?? E pagamos!!

    Beijos e boa sorte!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ai, Suzy, me mata ter que aceitar ser enganada, mas se não pagar, corre o risco do processo ficar acumulando poeira, ter a má vontade do funcionário e deixarem as certidões vencerem.
      Enfim, já temos tantos aborrecimentos, que os que pudermos evitar, melhor!
      Beijossss

      Excluir
  3. Sei bem como é viu... quando entregaram o meu tbm foi um lelele danado, tive que apontar tudo na vistoria, marcar outra e nada! Aí eu contratei um pedreiro pq tinha pressa por conta do casamento e ele mesmo arrumou pq não era nada grave, pq caso ao contrário ia demorar mto e eu iria casar em 3 meses, não quis arriscar. Boa sorte e essas taxas da caixa são uma meleca mesmo, quanto mais a gente reza, mais coisas para pagar aparecem.

    bjo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Jana! Não queremos correr o risco de ficar preso na fila por conta de detalhezinhos.
      Pode ser que o engenheiro nem ohe para essas coisas, mas se ele encucar, é muito tempo perdido!
      Não dá pra arriscar.
      beijossss

      Excluir
  4. Oi flor, tudo bem? Retribuindo a visitinha. Trabalho em imobiliária, acompanho vários contratos com a CEF, e todos tem essa taxa de pesquisa cadastral, infelizmente tem que pagar. Comentaram aqui em cima que não pagaram nada antes da assinatura do contrato, mas isso é um procedimento que varia de agência para agência, alguns cobram no inicio do processo, outros no dia da assinatura, é normal. Se você conseguir reaver esse valor me dá um toque, nao sabia dessa lei, é bom que aviso meus clientes. Bjs www.meuprimeiroapartamento.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline, pode deixar que te aviso sim.
      Por enquanto, vou ficar quietinha e não vou contestar nada, para não correr o risco de tomarem birra de mim. Mas vou questionar sim, no dia da assinatura.
      Beijosssss

      Excluir
  5. Imagino o quanto vc deve estar na expectativa de passar por essa parte burocrática e finalmente começar a reformar seu apto!
    Está sendo muito legal acompanhar o passo a passo dessa compra!
    Bjooo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, nem me fale!
      A ansiedade é tamanha, que fico sonhando, Tha!
      Beijossss

      Excluir

Obrigada por deixar um recadinho e fazer essa blogueira feliz!